• 0
  • 0 R$0,00

    Bolsa de compras

    • Nenhum produto no carrinho.

Ofício de Nossa Senhora Aparecida

12 de outubro

OFÍCIO DA MANHÃ

Casula Shantung Nossa Senhora Aparecida

Colabore com a Revista de Liturgia e assine a revista:

Assinatura da Revista de Liturgia Digital

Assinatura da Revista de Liturgia Impressa

 

OUVIR O OFÍCIO:

1. CHEGADA – refrão orante

2. ABERTURA
– Estes lábios meus, vem abrir, Senhor, (bis)
cante esta minha boca sempre o teu louvor! (bis)

– Venham, adoremos a nosso Senhor, (bis)
com a Virgem Maria, Mãe do Salvador! (bis)

– Vibra de alegria o meu coração (bis)
ao meu Senhor e Rei eu canto esta canção. (bis)

– Teu ouvido inclina, vê teu Rei, Senhor, (bis)
com tua formosura ele se encantou. (bis)

– Vão lembrar teu nome, gerações inteiras, (bis)
vão te louvar os povos, de toda maneira. (bis)

– Glória ao Pai e ao Filho e ao Santo Espírito. (bis)
Glória à Trindade Santa, glória ao Deus bendito. (bis)

– Aleluia, irmãs, aleluia, irmãos! (bis)
Com a Mãe do Senhor, a nossa louvação. (bis)

3. RECORDAÇÃO DA VIDA
Celebremos a padroeira principal do Brasil, Nossa Senhora Aparecida. Sua imagem foi colhida na segunda quinzena de outubro de 1717, por três pescadores ao lançarem suas redes no rio Paraíba. O povo logo reconheceu nesta imagem um sinal da proximidade de Deus, da sua bondade para com os pobres.
Hoje, oramos especialmente em comunhão com todos os peregrinos e peregrinas de Aparecida, peçamos a Deus que cuide, por intercessão de Nossa Senhora, do povo brasileiro e nos faça experimentar as alegrias da salvação e da vida em abundância.

4. HINO
Viva a mãe de Deus e nossa
sem pecado concebida,
Salve, Virgem imaculada,
ó Senhora Aparecida.

1. Aqui estão vossos devotos
cheios de fé incendida
de conforto e de esperança,
ó Senhora Aparecida.

2. Virgem santa, virgem bela,
mãe amável, mãe querida,
Amparai-nos, socorrei-nos,
ó Senhora Aparecida.

3. Oh! Velai por nossos lares,
pela infância desvalida
Pelo povo brasileiro,
ó Senhora Aparecida.

5. SALMO 87(86)
Se vocês pertencem a Cristo, então, são de fato a descendência de Abraão… Não há diferença entre judeu ou grego, entre quem é escravo ou livre, entre homem ou mulher. Pois todos vocês são um só em Cristo. (Gálatas 3,29.28)

Cantando este salmo que vê na cidade de Jerusalém, a imagem da nova cidade habitada pela justiça, nós recordamos Maria, a mãe de Jesus e vemos nela a figura da nova humanidade habitada pelo Verbo de Deus.

Ó Jerusalém, / cidade das gentes,
ó Mãe de Jesus, / de todo vivente.

1. Fundada por sobre / montanha sagrada,
querida de Deus, / mais que outras moradas.

2. Cidade de Deus, / diz ele tuas glórias,
em ti se concentra / dos povos a história!

3. Inscreve o Senhor / os povos num livro:
“Ali este homem / nasceu, é seu filho”.

4. Cantando e dançando / os povos contentes
em ti estão todas / as minhas nascentes

6. Da terra ou estranhos, / são todos u’a raça,
os povos encontram / em ti sua casa!

7. A ti seja a glória, / ó Deus de Sião,
reúne os povos / em paz e união.

Oração sálmica:
Ó Cristo, tu que choraste sobre a Jerusalém terrena e edificaste uma nova Jerusalém sobre a rocha firme do teu amor, concede a todos os povos a alegria da salvação. Com Maria, tua e nossa mãe, nós te adoramos e que o teu nome seja bendito por todos os séculos. Amém.

6. SALMO 147(146),1-11
“Agradeçam sempre a Deus por todas as coisas, em nome de nosso Senhor Jesus Cristo” (Ef 5,20)
Este salmo reconhece a salvação de Deus habitando a cidade de Jerusalém e a convida a cidade a glorificar o Senhor que a reconstruiu, e fez dela a cidade da paz. Com Maria, imagem da nova Jerusalém, cantemos a nossa esperança de que Deus habite a nossa cidade.

Ave Maria, cheia de graça, mãe do Senhor
“Bendita és tu entre as mulheres”, diz Isabel.
Todas as gentes celebram hoje o teu louvor;
Tu és na terra a virgem bela que encanta o céu!

1. Louva, Jerusalém, / louva o Senhor teu Deus:
Tuas portas reforçou, / e os teus abençoou;
Te cumulou de paz, / e o trigo em flor te traz!

2. Sua Palavra envia / corre veloz sua voz.
Da névoa desce o véu, / unindo a terra e o céu;
As nuvens se desmancham, / o vento sopra e avança.

3. Ao Povo revelou / Palavras de amor.
A sua Lei nos deu / e o Mandamento seu;
Com ninguém fez assim, / amou até o fim.

4. Ao Deus do céu louvemos / e ao que vem, cantemos;
E ao Divino, então, / a nossa louvação!
Os Três, que são um Deus, /exalte o Povo seu!

Oração sálmica:
Ó Deus, que restauraste a cidade santa e abençoaste os seus filhos e filhas, com o presença do Verbo, nascido de Maria. Estabelece a paz entre todos os povos, e sacia-nos com a tua santa Palavra. Por Cristo, nosso Senhor.

 

Casula Shantung Nossa Senhora Aparecida

6. LEITURA BÍBLICA – Apocalipse 21,2-3:
Leitura do Apocalipse. Vi a cidade santa, a nova Jerusalém, que descia do céu, de junto de Deus, vestida qual esposa enfeitada para o seu amado. Então, ouvi a voz forte que saía do trono e dizia: Esta é a morada de Deus entre os homens. Deus vai morar no meio deles. Eles serão o seu povo, e o próprio Deus estará com eles. Palavra do Senhor.

7. RESPONSO
– Alegra-te, ó cheia de graça: o Senhor está contigo.
Alegra-te, ó cheia de graça: o Senhor está contigo.

– És bendita entre as mulheres, – o Senhor está contigo.
– De ti nasceu o Salvador, o Senhor está contigo.
– Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo.
Alegra-te, ó cheia de graça: o Senhor está contigo.

8. CÂNTICO ZACARIAS
Bendito seja o Senhor Deus de Israel,
Bendito seja o Deus do povo eleito,
Bendito seja Deus, Bendito seja Deus,
Bendito seja Deus!

1. Bendito seja o Deus de Israel,
Pois ele visitou seu povo e o libertou.
E fez pra nós surgir da raça de Davi
Um forte e poderoso e grande salvador!
Conforme ele mesmo anunciou
Por seus santos amigos, profetas tão antigos:
Que vai nos libertar de quem nos odiar,
Das mãos de todos que são nossos inimigos!
Bendito seja!

2. Misericórdia fez a nossos pais,
E teve assim lembrança da santa aliança,
Aquela promissão, jurada a Abraão,
De, um dia, conceder a nós esta esperança.
De, enfim, libertos de malvadas mãos,
A gente, sem temor, viver no seu amor,
Servindo na justiça, toda a nossa vida,
E santos na presença de nosso Senhor.
Bendito seja!

3. E tu, menino, do alto Deus profeta,
À frente dele irás, caminhos abrirás;
Do povo a salvação, das culpas o perdão,
Por seu imenso amor, tu anunciarás!
Nasceu pra nós o sol do nosso Deus,
Do céu veio um clarão pra quem, na escuridão,
Nas trevas quem dormia, recebeu um guia
E no caminh’ da paz os nossos passos vão!
Bendito seja!

9. PRECES
Com alegria e confiança, coloquemos diante do Senhor as nossas vidas, rezando:

Elevo a ti, ó Senhor, as minhas mãos, meu coração!

– Senhor Jesus, tua mãe, grávida, foi pelos morros da Judeia, para se encontrar com Isabel; que as mulheres se encontrando, possam perceber a tua presença escondida.

– Senhor Jesus, durante três dias, tua mãe te procurou aflita entre os romeiros que voltavam de Jerusalém; conforta hoje todas as pessoas que procuram aflitas algum parente.

– Senhor Jesus, com tua mãe e os discípulos estavas presente no casamento em Caná; fica também conosco hoje em nossas festas e momentos de alegria.

– Senhor Jesus, a imagem de Maria negra, Aparecida, é sinal da tua proximidade e compaixão; concede aos pobres e pequenos encontrar em ti força e proteção.

Preces espontâneas…

Dá, ó Senhor, às Igrejas cristãs, a unidade visível. Que nós sejamos um, para que o mundo creia.

Pai nosso… (cantado) pois vosso…

Oração
Ó Deus de ternura e compaixão,
quiseste que a mãe do teu Filho
fosse amada e querida por todo o povo brasileiro,
como mãe negra, Aparecida.
Celebrando hoje a sua festa,
derrama sobre nós a alegria do teu amor
e reforça todas as lutas pela defesa de nossas culturas
e por um país realmente livre.
Por Cristo, nosso Senhor.

10. BÊNÇÃO
O Deus de Maria, que cumpre suas promessas em favor do seu povo, nos abençoe, (+) ele que é Pai, Filho e Espírito Santo. Amém.
– Louvado seja nosso Senhor Jesus Cristo.
Para sempre seja louvado!

 

Colabore com a Revista de Liturgia: 

ASSINE, RENOVE, DIVULGUE A REVISTA DE LITURGIA.

https://revistadeliturgia.com.br/product/assinatura-anual-impressa/

Deixe uma resposta